fundo parallax

COMO TRANSFORMAR SUA IDEIA EM NEGÓCIO

planejamento estratégico por que essencial blast consultoria
PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO: POR QUE É ESSENCIAL?
7 de agosto de 2017
Economia criativa e o futuro dos negócios - Blast Consultoria
ECONOMIA CRIATIVA E O FUTURO DOS NEGÓCIOS
17 de agosto de 2017

Empreender é encontrar uma ideia que você acredita e adaptá-la ao seu modo de ser e a vida que deseja levar. Para transformar sua ideia em negócio é importante que antes de qualquer coisa que você saiba quem você é, o que te motiva, que estilo de vida gostaria de levar e só então pensar o tipo de negócio que faz sentido para você. Para saber um pouco melhor quem você é antes de transformar sua ideia em negócio sugiro fazer este teste rápido e online: clique aqui e faça o teste

Encontre o que te faz diferente e especial (Embrace the weirdness)

Vivemos em um mundo de iguais, seres humanos são moldados para viver em sociedade e vivem no eterno dilema entre o pertencer e ser diferente. Ao mesmo tempo em que queremos fazer parte de um grupo (o que exige copiar, hábitos, estilos e padrões), queremos ser únicos e singulares.

A identidade de cada um é construída ao longo da vida, sendo influenciada pela história e pela cultura, não há uma única identidade desde o nascimento até a morte, mas ela é construída e modificada, sofre alterações e contradições ao longo da existência, nem sempre sendo coerente. Parece complicado não é? Mas são essas alterações e mudanças que tornam cada um único.

Ao invés de tentar entender o outro para se entender, experimente buscar em você o que te faz esquisito e abrace essas características, elas podem ser o que vai te trazer as melhores inspirações para transformar sua ideia em negócio. Sabe por quê?

Ser normal é relativo – Não é normal ser normal

Todo mundo é esquisito e ao mesmo tempo ninguém é. A nossa personalidade existe numa dualidade. Algumas pessoas são extrovertidas, outras introvertidas. Algumas pessoas são criativas e outras analíticas. Não existe maneira certa de ser, apenas a sua maneira.

O que você acha estranho, na verdade é o que te torna único

Todos temos características que nos tornam diferentes. E a grande verdade é que é o que te faz diferente que é, na verdade o que te torna único. Ao invés de esconder o que te faz esquisito, aprenda a usar isto a seu favor. Quando você dominar sua esquisitice vai começar a perceber a força por trás dela.

O que te faz esquisito te faz memorável

Ser normal e seguir os outros leva a resultados medíocres. Ninguém vai pagar para ver algo que já é esperado. As pessoas pagam por coisas que as impressione e cative. O que te faz ser esquisito é na verdade o que te torna interessante porque você tem algo que os demais não tem. Ninguém vai lembrar de você pelas coisas que você faz igual aos demais, mas nunca vão esquecer o que você faz que apenas você consegue.

O mundo precisa de mais autenticidade

Não tem muito como discordar disso, não é? As pessoas estão cansadas de mais do mesmo é por isso que a esquisitice é tão importante e está tão em alta.

Toda nova ideia é estranha no começo

Até mesmo as grandes ideias, quando introduzidas pela primeira vez pareciam estranhas. Boas ideias são aquelas que rompem ou questionam a norma. Boas ideias são a evolução que transformam a sociedade.

E aí? Preparado para abraçar a sua esquisitice interior e transformá-la em negócio?

DICA DA BLAST 

Como transformar sua ideia em negócio?

Organize de forma visual todas aquelas coisas que fazem de você único e que podem se transformar em negócio. A partir disso responda essas quatro perguntas:

  1. O que quero fazer?

  2. Por que quero fazer?

  3. Para quem quero fazer?

  4. Como quero fazer?

Com essas respostas você já pode começar a planejar seu negócio, mas não esqueça: O negócio se adapta a você e não você ao negócio.

Quer dicas de como planejar o seu negócio? Planejamento estratégico: Por que é essencial?

Ramon Steffen
Ramon Steffen
Pós graduando em Mercados Criativos e graduado em moda. É fundador da Blast. Interessado por pesquisa, escrita, planejamento de ações estratégicas, economia criativa e comportamentos futuros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *